Saneamento Básico

Segundo a Organização Mundial da Saúde, saneamento básico é o conjunto de medidas tomadas para assegurar a qualidade de vida dos habitantes de uma região, contribuindo para a saúde da população que vem a ser o completo bem estar físico, mental e social. O desenvolvimento do saneamento está ligado ao surgimento e crescimento das cidadesA importância do saneamento básico está ligada a implantação de sistemas e modelos públicos que promovam o abastecimento de água tratada, o esgotamento sanitário, o manejo das águas pluviais e a limpeza urbana e o manejo de lixo, com o objetivo de prevenção e controle de doenças, promoção de hábitos higiênicos e saudáveis, melhorias da limpeza pública básica e consequentemente da qualidade de vida da população. O saneamento básico é um dos pilares mais fundamentais de uma cidade sustentável. Ao utilizarmos água em condições inadequadas, arriscamos nossa saúde, nos expondo a organismos transmissores de doenças.


 saneamento básico = qualidade de vida

saneamento básico e saúde
saneamento básico é o conjunto de medidas tomadas para
assegurar a qualidade de vida dos habitantes de uma região



Leia também:



Saúde Pública

Só de acompanharmos os telejornais diários, já percebemos que a qualidade do serviço público no Brasil não é bom, a saúde então nem se fala. Levando em conta a precariedade desses serviços, devemos nos cuidar diariamente para não dependermos desses serviços públicos. Precisamos ter cuidados quanto a nossa higiene e certificarmos de que a água que estamos usando é tratada. A ausência de obras de saneamento básico em inúmeros municípios do Brasil deve ser visto, também como um problema de saúde pública, pois é a grande causa da enorme fila nos hospitais públicos. O Estado precisa entender que um investimento em saneamento básico é mais eficaz do que investir em saúde e seria cortar o mau pela raiz. R$1,00 investido em saneamento básico equivale a R$4,00 investido na saúde.


Doenças Causadas por Água Contaminada

A água, quando não devidamente tratada, carrega inúmeras bactérias e vírus causadores de doenças. Não adianta levar a pessoa no médico se, depois da consulta, continuar consumindo a mesma água e tendo os mesmos hábitos. A principal arma é a informação para não continuarmos cometendo os mesmos erros. As principais doenças causadas por água sem tratamento são:

  • Diarréia
  • Hepatite A
  • Esquistossomose
  • Leptospirose
  • Febre Tifóide
Essas são apenas algumas doenças que surgem quando a água não passa por tratamentos de limpeza e purificação que eliminem microrganismos, especialmente os responsáveis por causar doenças.  A contaminação pode acontecer pelo contato direto com o esgoto, enchentes ou devido à ingestão acidental de água contaminada ou através do consumo de alimentos preparados com água ou lavados com resquícios de fezes humanas ou de animais. Portanto, é sempre bom estarmos atentos ao estado de conservação da água que estamos consumindo.

Prevenção

A melhor prevenção é a informação. Depois de ler este artigo, você já deve estar ciente de como algumas doenças surgem. Agora, precisamos saber como podemos manter essas doenças longe. Aqui vão algumas dicas:

Bons Hábitos de Higiene

Cultivar bons hábitos de higiene é fundamental para manter doenças longe. Escovar os dentes pela manhã, lavar as mãos antes da refeições, tomar banho. Tudo isso mantém microrganismos em geral longe. Para isso, precisamos ficar atentos para a qualidade da água que estamos usando e não desperdiçar esse recurso tão precioso.

Ferver a água

Claro que não são todos os municípios em que a água chega limpa, portanto, antes de consumir o líquido, é sempre bom fervê-lo antes. O simples ato de ferver, mata germes e bactérias. Isso vale tanto para a água que vamos beber, como para a que vamos usar para lavar alimentos.

Postagens mais visitadas deste blog

Identificação Civil Nacional (ICN)

[Mudanças Climáticas] Delegação Brasileira Avalia a COP 22

[Sustentabilidade] Acordo de Kigali