[Acordo de Paris] Primeiro Sinal Positivo

Promessa do Acordo

O acordo de Paris promete guiar o mundo por um novo caminho e por um fim à era dos combustíveis fósseis. Muito ainda vai se falar desse acordo, mas já temos a primeira repercussão positiva.

REPERCUSSÃO DO ACORDO DE PARIS NO MERCADO DE ENERGIAS RENOVÁVEIS
Congresso americano aprovou a extensão dos subsídios
federais para as energias renováveis por mais 5 anos.

Repercussão do Acordo

A repercussão da assinatura do acordo de Paris no mercado de energias renováveis dos Estados Unidos foi positiva. Uma semana após a histórica reunião sobre mudanças climáticas em Paris, o Congresso americano aprovou a extensão dos subsídios federais para as energias renováveis por mais 5 anos, o que já dá uma injeção de motivação para o setor.


Leia também:


Segundo a Bloomberg New Energy Finance, os benefícios serão capazes de estimular U$73 bilhões em investimentos e fornecer energia suficiente  - tanto solar como eólica - para abastecer 8 milhões de lares. Isso no Brasil, representaria a cidade do Rio de Janeiro e mais algumas casas. De qualquer forma, já é um avanço.

Energia Limpa nos EUA

Atualmente, os Estados Unidos produzem cerca de 5% de sua energia elétrica a partir de recursos naturais. Com esses novos incentivos, a taxa pode saltar para 10% em 5 anos.

fonte: Exame





Postagens mais visitadas deste blog

Identificação Civil Nacional (ICN)

[Mudanças Climáticas] Delegação Brasileira Avalia a COP 22

[Sustentabilidade] Acordo de Kigali